sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Papa se diz preocupado com pentecostais

Dando sequência à sua visita à Alemanha, o papa Bento XVI aproveitou a visita ao mosteiro de Lutero para manifestar a sua preocupação com o avanço das igrejas pentecostais, buscando apoio das igrejas reformadas tradicionais para uma luta contra o secularismo. A notícia é do Terra:

Papa se diz preocupado com avanço de igrejas pentecostais

O papa Bento XVI disse nesta sexta-feira que as igrejas cristãs históricas estão "perplexas" e preocupadas com o avanço das igrejas pentecostais, e convidou os protestantes a trabalhar junto com os católicos para testemunhar a fé em um mundo secularizado.

Joseph Ratzinger fez esta declaração em um encontro com os representantes do Conselho da Igreja Evangélica Alemã (EKD) em Erfurt, cidade onde Martinho Lutero (1483-1546) foi ordenado sacerdote católico em 1507, antes de liderar a reforma protestante, em 1521.

Esta viagem do Papa à sua Alemanha natal tem um caráter ecumênico. Foi por vontade de Bento XVI que o encontro aconteceu no antigo convento onde Lutero estudou. De acordo com o Papa, a única paixão e o centro da vida de Lutero foi Deus.

Nesta sexta-feira o Papa defendeu que o mais necessário para o ecumenismo é não perder as grandes coisas que têm em comum.

"A coisa mais importante para o ecumenismo é que, pressionados pela secularização, não percamos as grandes coisas que temos em comum, aquelas que nos fazem cristãos e que temos como dom e tarefa", afirmou.

"Foi um erro ter visto majoritariamente aquilo que nos separa e não ter percebido de forma essencial o que temos em comum nas grandes pautas da Sagrada Escritura e nas profissões de fé do cristianismo antigo", acrescentou.

O Papa defendeu que os cristãos reconheçam a comunhão como um fundamento imperecível. "Infelizmente, o risco de perdê-la é real. Nos últimos tempos, a geografia do cristianismo mudou profundamente e continua mudando".

O Papa Ratzinger afirmou que este fenômeno mundial de mudança traz um cristianismo com pouca densidade institucional, pouca bagagem racional e pouca estabilidade. Por isso, ele defende a obrigação de questionar o que permanece válido e o que pode ser mudado na opção pela fé.

Após o encontro, Bento XVI e os líderes religiosos protestantes farão uma celebração ecumênica, quando um bispo evangélico lerá o salmo 164 na tradução feita por Lutero, na qual expressa a vocação cristã comum para louvar a Deus.

O Papa fará uma oração para a unidade dos cristãos, e o presidente do Conselho Pontifício para a Unidade dos Cristãos, cardeal Kurt Koch, fará uma prece sacerdotal e recitará a oração do pai-nosso.

17 comentários:

  1. Concordo em partes com o Papa. Como cristãos, devemos lutar contra a secularização do Cristianismo, e lutar pela fé bíblica. Por outro lado, tenho visto grandes problemas naquelas igrejas que se convencionou chamar de neopentecostais, e sua Teologia da Prosperidade, e não exatamente nos pentecostais.

    ResponderExcluir
  2. NUNCA haverá aliança entre a LUZ e as TREVAS.
    Quem ensina mentiras ao povo, aprisionando-os a idolatria, deveria ter vergonha de pedir união, e sim deveria se converter de seus maus caminhos aprendendo com aqueles que embora humanos e pecadores como eles, lutam pela pregação do único SENHOR E SALVADOR, e na espera da volta desse DEUS!
    Ao invés de se preocupar com os neopentecostais, deveríamos nos preocupar em pregar o evangelho, porque assim a verdade impera.
    E Paciência com os fracos na fé, para os que se acham forte...
    Sentar pra falar mau do outro, é fácil mesmo, lutar de verdade, em oração, em evangelização, aaa poucos fazem né caro amigo?
    Vamos lutar pela verdade que é Cristo, e lutar que digo não é em sua defesa, ele não precisa de advogados, mas lutar evangelizando, orando, se cuidando espiritualmente para quem pensa que está de pé...
    Pecados todos cometemos, mas povo que se diz de Deus não foca em atirar e sim desarmar.
    Afinal, né, está escrito o amor é vinculo da perfeição.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário, Anônimo!

      Gostaria de te pedir (humilde e gentilmente) que você nos explicasse que diferença você vê entre:

      1) a idolatria católica e a idolatria gospel a cantores e grupos e a obediência cega a "pastores ungidos";

      2) as novenas católicas e as "campanhas" neopentecostais de fogueiras e prosperidades, Bíblias a 900 paus, jejuns disso e daquilo, "anos apostólicos de fulano", etc. etc.

      Tenho sérias dúvidas também sobre o que você entende por "evangelização". Fica a impressão de que você acha que "evangelização" é nada mais nada menos do que aderir cegamente ao discurso e aos modismos de um líder qualquer que se diz "evangélico" e "cristão".

      Evangelização, para mim, é anunciar Jesus Cristo como Senhor e Salvador, crucificado e ressuscitado para salvar todo aquele que nEle crê. E eu tenho visto muito pouca gente fazendo isso. Estão mai preocupados em conseguir "torcedores" da sua denominação do que alcançar e formar novos cristãos.

      Amor como vínculo da perfeição (Colossenses 3:14) existe dentro de uma igreja em que os irmãos são humildes e cristãos, e não existe "vínculo da perfeição" com pagãos travestidos de "evangélicos". Não tire o versículo do contexto para tentar justificar o ecumenismo idólatra e aproveitador com qualquer sujeito desonesto que abre uma portinha e a chama de "igreja".

      O seu comentário foi muito bom. Obrigado por ter me dado a chance de esclarecer isso.

      Abraço!

      Excluir
  3. OO00OOi
    Então, voltei e direi como penso.
    Quanto a IDOLATRIA, a bíblia já diz que é pecado, seja ela direcionada a filhos, esposa, marido, animal, espíritos,anjos, santos, artistas, qualquer forma que seja...é pecado!
    Ao contrário disso, acredito que admirar talentos, amar alguém é lindo, reconhecer algo que seja inteligente,bonito, correto,é normal e não pecado.
    Quanto as NOVENAS católicas feitas em súplicas repetitivas á ídolos, nem preciso repetir né, rs , mas, as CAMPANHAS evangélicas , ao menos que eu saiba, pois me baseio pelos amigos que conheço e que participam delas,e eu os vejo como pessoas íntegras, que amam á Deus e a Cristo, são pessoas que esperam sua volta,pois aprenderam lá nessas igrejas tão criticadas por vcs, em fim, apenas acreditam que o Senhor possa fazer o que quer, se assim crê e também se Deus deu o cajado a Moisés, curou o cego passando um cuspe misturado com terra em seus olhos antes da cura.Deus precisava disso?
    Então,talvez seja isso que esses pastores tentam imitar e quem crê aplica.
    Penso assim, não vejo pecado pois fazem esperando em Cristo.
    Quanto a EVANGELIZAÇÃO, como vc citou, eu escrevi que é para pregar Cristo e seus ensinamentos, e sua volta.Em nenhum momento falei para pregar um pastor ou líder evangélico, ou modismo. Então não entendi onde entendeu isso, mas em fim , deixo também meu pensar sobre isso.
    Não se deve pregar igrejas e sim Cristo e sua volta!
    Quanto ao que diz sobre o vínculo da perfeição se faz na igreja com os irmãos HUMILDES e CRISTÃOS,não concordo, o amor que une não só aos que achamos que são assim como descreveu, e sim com todos.
    Amar é saber entender que o outro ainda não é convertido,é saber que o outro está passando por atribulações e as vezes parece desanimado e frio, é saber que muitos não são tão letrados como você mesmo se mostra ser caro amigo,mas que por isso talvez, façam coisas imaturas,e é também saber que embora as pessoas não compartilham da mesma igreja que você podem ser humildes e cristãos,pois humildade só saberá seus corações Deus, e quem os cercam conhecendo hábitos e atitudes ás vezes achamos que são humildes. Nem herdarão o reino se não aprenderem a ser, pois a falta da humildade nos faz descer ao nada.
    E quanto ao ser cristãos, aquele que aceita JESUS como seu único e suficiente salvador,se arrependem de seus pecados acreditam que sejam os cristãos. E se fazem isso, eu não os olhos como pagãos,e sim, talvez não sejam teólogos,ou conhecedores das letras.
    A saber, isso também não significa, que quem acha que domina muito a letra,que sabe de cor todos os versículos e capítulos da bíblia e histórias que cercam ela, sejam salvos.
    Exemplo bem conhecido foram os escribas e doutores da lei na época de Cristo...Falavam a todo tempo da letra, mas seus corações só dominava inveja,soberba e ódio. Bom, todos sabem como Cristo se referiam á eles, nem preciso dizer.
    Só me lembro agora quando disse, que não entram e não deixam os outros entrarem no reino de Deus e os chamavam de hipócritas.
    Cuidemos para que não nos tornemos como eles, cheios de conhecimentos, mas vazios, sem fé e amor.
    Então eu não compartilho com a idéia de dizer que OS, isso demonstra que estou julgando-os pois coloco como se todos OS NEOPETENCOSTAIS, não são de Deus.
    Acho que se deve sim ter cuidado ao se referir aos outros que se dizem viver em Cristo.Como já expliquei algumas linhas a cima...Não pelo que não gostamos ou achamos.
    Mas se a justiça ou eu posso provar que praticam crimes e roubos, aí sim direi pastor tal é ladrão e desonesto. Agora se eu não sei, apenas discordo da sua forma de doutrinas...
    Não me incomodam, deixo-os pra lá, no máximo oro.
    Acho que denegrir a imagem do outro é errado, é até crime.
    Então é o que penso.
    Obrigada vc por me permitir dizer o que penso...
    Deixo abraços a todos e a forma simples de como penso e analiso essas coisas.
    Estou aprendendo até o dia que meu tempo se esgotar aqui na terra rs.

    ResponderExcluir
  4. Genteeeem eu sou chata rsrs
    acabei de mandar meu comentário,sobre o q me pediu do que escrevi, e lembrei de um filme que eu amei, talvez já conheça, é lindo demais.
    MISSÃO ROMANA, se puder veja caro amigo.
    Meu nome é Márcia e já fiz comentário em outros posts aqui nesse seu blog.
    Abraços e fuiiii rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela resposta, Márcia!

      Sinto dizer, entretanto, que cristianismo não é sinônimo de "achismo".

      Se você tiver paciência, verá - por exemplo - que só a palavra "doutrina" aparece 36 vezes no Novo Testamento.

      Abaixo, alguns poucos versículos que falam disso:

      Atos 2:42 e perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações.

      Romanos 6:17 Mas graças a Deus que, embora tendo sido servos do pecado, obedecestes de coração à forma de doutrina a que fostes entregues;

      Romanos 16:17 Rogo-vos, irmãos, que noteis os que promovem dissensões e escândalos contra a doutrina que aprendestes; desviai-vos deles.

      Efésios 4:14 para que não mais sejamos meninos, inconstantes, levados ao redor por todo vento de doutrina, pela fraudulência dos homens, pela astúcia tendente à maquinação do erro;

      1ª Timóteo 4:6 Propondo estas coisas aos irmãos, serás bom ministro de Cristo Jesus, nutrido pelas palavras da fé e da boa doutrina que tens seguido;

      1ª Timóteo 6:3 Se alguém ensina alguma doutrina diversa, e não se conforma com as sãs palavras de nosso Senhor Jesus Cristo, e com a doutrina que é segundo a piedade,
      1ª Timóteo 6:4 é soberbo, e nada sabe, mas delira acerca de questões e contendas de palavras, das quais nascem invejas, porfias, injúrias, suspeitas maliciosas,
      1ª Timóteo 6:5 disputas de homens corruptos de entendimento, e privados da verdade, cuidando que a piedade é fonte de lucro;

      2ª Timóteo 4:3 Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo grande desejo de ouvir coisas agradáveis, ajuntarão para si mestres segundo os seus próprios desejos,

      Tito 1:9 retendo firme a palavra fiel, que é conforme a doutrina, para que seja poderoso, tanto para exortar na sã doutrina como para convencer os contradizentes.

      Tito 2:1 Tu, porém, fala o que convém à sã doutrina.

      Como você percebe, Márcia, eu prefiro seguir a Bíblia do que o nhemnhemnhem de homens que se dizem inspirados e autorizados a inventar uma palhaçada qualquer e chamam isso de "senti no coração" ou "ato profético".

      E a Bíblia é muito clara quanto a doutrina.

      Com relação às suas respostas sobre idolatria e novenas, você nem percebeu isso, mas utilizou os mesmos argumentos que os católicos usam para dizer que não praticam idolatria. Recomendo o artigo católico abaixo para ver como os teus argumentos são parecidos com os deles:

      http://arquidiocesedecampogrande.org.br/arq/formacao-igreja/fe-catolica/2988-diferenca-de-culto-latria-dulia-e-hiperdulia-.html

      Por sinal, não é boa estratégia envolver o cajado de Moisés nessa conversa, já que os católicos também a utilizam para justificar a sua não-idolatria, conforme essa outra leitura:

      http://www.arautos.org.br/artigo/12812/A-serpente-de-bronze-.html

      Com relação ao fato de alguém se converter, Deus sabe alcançar os que são seus, seja na umbanda, nas testemunhas de Jeová, ou nas igrejas neopentecostais. Em todos esses lugares sempre houve e sempre haverá pessoas que se converterão a Cristo de verdade e Deus os direcionará para outro lugar, segundo lhE convier.

      Para não me estender mais, quanto aos outros temas que você levanta, principalmente quanto à questão de julgar os outros sugiro a leitura de João 7:24 -"Não julgueis pela aparência mas JULGAI segundo o RETO JUÍZO", que já abordei aqui no blog no artigo:

      http://ocontornodasombra.blogspot.com.br/2011/01/chamados-para-julgar.html

      E por fim, recomendo também a leitura do artigo

      http://ocontornodasombra.blogspot.com.br/2012/01/pregacao-pode-ser-feita-de-qualquer.html

      Abraços!

      Excluir
    2. Oi sou o kalahan , me expresso em relação a Doutrina
      Não importa quantas vezes a palavra vem escrita na biblia , mas sim como ela é entendida. A doutrina cristã ela sujere unificação, mas ao meu ver ela foi distorcida e interpretada ao que convém a cada igreja criada.A Doutrina pregada por Jesus sempre foi pacifica na submissão a Deus e seus mandamentos, reconhecendo Deus como único porque não existe outros, mas nunca li algo como:
      jogue pedra, destrua os idolos,até mesmo na prisão de Jesus, Pedro corta a orelha de um soldade e jesus colocou-a novamente no lugar, agindo assim com aquele que o vinha prende-lo, ali Jesus ensina a Pedro e apóstolos o amor ao proximo.Vejo hoje a religião se dividindo, povos se matando em nome de Deus.Ai Hélio voce pode vir com 1001 citações dos apostolos falando de idolos etc...,e eu lembro novamente o que citei acima fala sim em amar um unico Deus.Volto a falar da Doutrina pregada por Jesus o amor , a união onde a humanidade unida, não haveria guerra , fome ,dor todos com um mesmo propósito, séria perfeito né. Mas o que vemos e divisões igreja contra igreja discutindo doutrina e a fome , a dor , a guerra continua acontecendo porque perdemos tempo debatendo palavras e esquecemos de agir como cristãos. O que fazemos para amenizar essas causas? Não defendo e nem acuso idolos , denominações , ou doutrinas. Vejo somente palavras ,palavras nenhuma ação , porque é mais facil culpar governos, nos tornar juizes atirando pedras para retirar de nós tal responsábilidade.Então acho que se alguém segue a jesus, não olhe para os lados, nem faça sopa de letrinhas, faça sopa para matar a fome dos que tem fome, fazendo cada um sua parte começaremos a mudar o que vemos errados nos outros e está em nós mesmo .

      KAL.

      Excluir
    3. Obrigado pelo comentário, Kalahan!

      A sua opinião é bem-vinda e respeitada.

      Apenas queria dizer que se você ver a variedade de assuntos tratados pelo blog, perceberá que tentamos incentivar os leitores não só à meditação, ao estudo, mas também à ação e à prática da caridade no mundo real. Basta clicar nas tags "voluntariado" e "mendigos" aí do lado direito para você ter uma ideia do que propomos e denunciamos, entre várias outras coisas.

      Não ficamos apenas nas palavras, inclusive no lado pessoal. Coincidentemente, neste momento estou envolvido num projeto de assistência a mendigos e pessoas carentes na igreja que frequento.

      Entretanto, sabemos que não vamos resolver todos os problemas do mundo, mas queremos fazer a nossa parte. Muitas vezes, denunciar o isolamento e a falta de ação dos cristãos serve apenas como uma desculpa para que a gente não faça a nossa parte, e isso, você pode ter certeza, nós estamos fazendo constantemente, e mesmo assim, sempre achamos que podemos fazer mais, e tratamos de buscar esse "mais".

      Abraço!

      Excluir
    4. Em muitos aspectos concordo com a Marcia, mas também não descordo de quaisquer outros pontos de vista.Leio analiso veja bem qualquer denominação que eu estiver, seja ela católica ou protestante, eu ouvirei as mesmas citações Biblicas:
      Cuidado com os falso profetas etc...
      Mas se eu perguntasse ao dirigente de quaisquer uma dessas denominações existentes tipo :
      Mas como eu posso ter certeza que aqui é a verdadeira doutrina?
      certamente ouviria de todas as denominações, sim aqui ensinamos e seguimos as escrituras os ensinamentos pregamos a palavra. E se eu fizesse outra pergunta.
      Sim voces estudam , divulgam a palavra , tem suas doutrinas mas as praticam?
      Os exemplos acima não é direcionado a nenhuma denominação seja ela qual for, mas qual seria hoje a verdadeira intenção com a preocupação da Salvação?
      Disse jesus :" A casa do meu Pai é casa de oração"
      Falo de atitudes, Jesus pregava o amor, a compaixão, seu evagelho foi deixado para que o homem modifica-se sua vida.Nascer de novo significa se tornar um nova pessoa, não colocar um terninho pegar uma Biblia e bater nos peitos eu tou salvo ou vestir uma roupa de Rei e sentar em um trono em Roma e dizer eu sou o representante de Deus aqui na terra.
      Porque tanta riqueza em Roma , tantas igrejas pentencostais e tanta fome, miséria espalhada pelo mundo, qual a finalidade de templos? se as escrituras afirma que não ficará pedra sobre pedra.
      Se o ceu fosse feito de belas pregações , conhecimentos teológicos, o Céu estaria cheio de politicos.
      Todos os cursos que fiz até hoje, foi sempre com o objetivo de usa-los na pratica, o evagelho não é diferente. APRENDA MAS PRATIQUE!.
      Ideologia, Teologia, Hipocrisia, comécio, enriquecimento as custa da fé não foi o que Jesus ensinou ao Homem, se esconder atraz de frases como :Errar é Humano, não ira conduzi-lo a salvação e sim ao engano.

      KAL.

      Excluir
    5. Caro Kalahan,

      Você não é obrigado a crer em nada se não quiser, e pode inclusive se colocar na posição de autoridade espiritual e disparar a sua metralhadora giratória apontando defeitos em tudo e em todos, mas daí a ter a sua autoridade reconhecida por outros vai uma longa distância.

      É muito cômodo subir em um pedestal e dizer que a SUA visão de mundo é a que está correta.

      Aqui, quando falo em doutrina, falo em ortodoxia da igreja cristã, tal como é reconhecida pelas grandes vertentes (católica, ortodoxa e protestante), que ninguém é obrigado a aceitar como válida, mas é essa doutrina da igreja primitiva que recebemos e prezamos.

      Você tem todo o direito de seguir a SUA própria doutrina, e através dela criticar tudo o que acha errado nas outras, mas a Márcia utilizou uma palavra que define bem a intenção do blog, que é HUMILDADE.

      Ter humildade não significa concordar com tudo o que os outros fazem ou pregam, nem querer impor a sua doutrina como a correta, mas informar e defender a doutrina que recebemos dos nossos primeiros Pais da Igreja. Significa também reconhecer que temos diferenças aparentemente irreconciliáveis com outros ramos do cristianismo, mas nem por isso desprezamos o que conseguimos construir em comum.

      Apenas achamos que essa construção em comum que tivemos é suficiente para lançar as bases do cristianismo, sem ficar precisando de nenhuma nova revelação ou um novo iluminado que apareça para nos dizer que estamos errados.

      Respeitamos, inclusive, o direito que este novo iluminado tem de dizer que estamos no caminho errado, ou que queira nos apontar os nossos defeitos, que são muitos, mas daí a segui-lo fica a critério de cada um.

      Nós aqui do blog certamente não o seguiremos, porque já estamos satisfeitos com o que recebemos, e não queremos lançar novo fundamento sobre o que já nos foi posto pelos apóstolos (os originais).

      Afinal, com teologia ou sem teologia, com religião ou sem religião, "cada um de nós dará conta de si mesmo a Deus" (Romanos 14:12)

      Abraço!

      Excluir
  5. Oi meu nome é Kalahan li os artigos e gostei muito, tenho um opinião pessoal entretanto Jesus revogou as leis do velho testamento e algumas igrejas ainda vivem baseada neles.Leis, leis , leis falam mas não as cumprem na vida pessoal.
    Eu particulamente acho que deveriamos viver em função das 2 leis deichadas por Jesus.

    1-Amar a Deus sobre todas as coisas
    2 amai ao proximo como a si mesmo

    O que não deixa de ser um resumo dos 10 mandamentos

    A lei é o sistema de regras estabelecidas por Deus ao povo do Antigo Testamento. São todos os mandamentos revelados na Bíblia em Levítico, Números e Deuteronômio. São os mandamentos morais, civis e cerimoniais dadas por Deus a Moisés para ensinar o povo a viver uma vida santa, ou seja, separada do pecado. A lei foi estabelecida por Deus para preparar o mundo para receber a promessa da salvação, que é Jesus Cristo. Depois da vinda de Jesus a terra, todas as leis cerimoniais e civis foram abolidas, permanecendo somente as leis morais. A seguir serão citados pontos que comprovam que tais leis foram abolidas. Esses estudos foram feitos com base bíblica, a luz do Novo Testamento, e, por vezes, confrontados com o Velho Testamento:

    1. Jesus veio ao mundo para cumprir a lei de Deus. Isso porque, como Jesus mesmo disse, nenhum “jota ou til” poderia ser omitido da lei (Mateus 5.17,18). Jesus quis dizer que Deus exigia que a lei fosse cumprida perfeitamente. Porém, todos os homens por serem imperfeitos, por mais que tentassem, acabavam “tropeçando” em algum ponto da lei. Então, para os homens, cumprir a lei de Deus sem omitir nenhum “jota ou til” era impossível. Mas Deus enviou Seu Filho Jesus, perfeito e nascido sem a mácula do pecado, para que a lei finalmente pudesse ser cumprida com perfeição. Resumindo: Jesus veio para cumprir a lei e não para colocar sobre nós o pesado fardo de cumpri-la, como muitos interpretam. Jesus disse: “O meu jugo é suave e o meu fardo é leve” (Mateus 11.30).

    2. Aqueles que tentam ser salvos mantendo a lei do Antigo Testamento estão presos a regras e formalidades. Mas agora, pelo Espírito Santo, Deus concede a libertação da lei, do pecado e da condenação eterna (2 Coríntios 3.14; Romanos 8.1). Como seria estanho se um prisioneiro recém-liberto voltasse para a cela e se recusasse a abandonar a prisão! Como seria triste se um crente liberto da escravidão da carne voltasse a um rígido sistema de regras e regulamentos! Aquele que verdadeiramente crê em Jesus foi liberto de todas essas coisas ao mesmo tempo! Em vez de retornarmos a alguma forma de escravidão, seja do pecado ou do legalismo, devemos usar da nossa liberdade para viver para Cristo e servi-lo da forma que Ele deseja. Quando confiamos em Jesus para nos salvar, Ele remove o nosso fardo pesado de tentar agradar-lhe pela lei e também a nossa culpa por muitas vezes falharmos em fazê-lo. Por confiarmos em Jesus, somos amados, aceitos, perdoados e livres para viver para Ele. “Onde há o Espírito do Senhor, aí há liberdade” (2 Coríntios 3.17).

    O apóstolo Paulo advertiu que se algum outro, ele mesmo, ou até um anjo descido do céu anunciasse um evangelho diferente daquele que foi por ele pregado, deveria ser amaldiçoado (Gálatas 1.8,9). Não deveria ser aceito. Paulo sabia que jamais um anjo de Deus modificaria a Sua Palavra. Paulo também sabia o perigo que pregar um evangelho diferente representa para as ovelhas de Cristo (Atos 20.29,30; 2 Timóteo 4.3). Pregar um evangelho modificado é um pecado terrível segundo as Escrituras, pois tal ato é considerado heresia, e excluía o culpado do reino de Deus (Gálatas 5.20).

    Resumindo as leis e citações devem ser cumpridas de acordo com as escrituras, e devem serem mostrada na vida pratica dos seus Dirigentes sejam católicos ou petencostais. O que causa afastamentos ou aproximação de determinadas religiões e justamente essa diferença .

    obrigado pelo espaço.

    Kal.

    ResponderExcluir
  6. Hélio,
    Em meus comentários acima, não estou me colocando como acusador ou apontador de erros, apenas o que foi exposto e uma opinião pessoal de maneira nenhuma divergir as escrituras ou determinar o que tem que ser feito ou modificado, como foi exposto, não é minha intenção criar uma nova ordem, amo a igreja aquela formada dentro do coração, a igreja da modificação humana que renova o coração perveso em um coração de verdade. Isso não é atirar e nem se colocar como autoridade. Só não acretido em em boas intenções que venham elevar denominações na midia promovendo suas obras, mostrando suas grandes obras , e como um prefeito dou governador de uma cidade que faz suas obra com o dinheiro do povo e depois chama a midia pra corta a faixa, para aparecerem perante o povo e assinarem suas obras.Se vamos falar de Humildade e atiradores vamos aqui em Mateus Cap. 6 1,8 e vejamos a verdadeira metralhadora. rsrs
    1 Guardai-vos de fazer as vossas boas obras diante dos homens, para serdes vistos por eles; de outra sorte não tereis recompensa junto de vosso Pai, que está nos céus.

    2 Quando, pois, deres esmola, não faças tocar trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem glorificados pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam a sua recompensa.

    3 Mas, quando tu deres esmola, não saiba a tua mão esquerda o que faz a direita;

    4 para que a tua esmola fique em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará.
    Oração

    5 E, quando orardes, não sejais como os hipócritas; pois gostam de orar em pé nas sinagogas, e às esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam a sua recompensa.

    6 Mas tu, quando orares, entra no teu quarto e, fechando a porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará.

    7 E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; porque pensam que pelo seu muito falar serão ouvidos.

    8 Não vos assemelheis, pois, a eles; porque vosso Pai sabe o que vos é necessário, antes de vós lhe pedirdes.

    Não sou eu quem tou falando nem me colocando como autoridade, mas foi a verdadeira autoridade Cristo Jesus em seu Sermão da Montanha, que nos disse como fazer. rsrs talvez alguns o tenham visto também na época como um atirador com uma metralhadora rotativa nas mãos, outros podem o terem vistos como alguém que queria se colocar acimas das autoridades locais.
    Ora então era mais facil matar um, que modificar milhares, e o resto da história todos conhecemos.
    O sermão da montanha deveria ser lido todos os dias, antes de falarmos de humildade, fé e doutrina, é apenas uma exposição daquilo que acho (eu acho) de acordo com as escrituras, jamais me colocaria aqui dizendo que está certo ou quem está errado, afinal foi dito :
    - Não é o que entra pela boca do homem que o contamina mas sim o que sai dela .

    agradeço o espaço .

    Kal.

    ResponderExcluir
  7. Depois de tanto falar, ainda não pude identificar sobre o que exatamente o Kalahan está discutindo... Talvez este seja o problema do discurso pietista: há emoção demais e coerência de menos.
    Em uma hora, ele diz para sermos mais práticos. Em outra hora, ele condena as boas obras que aparecem na mídia (se ele queria que aparecessem, em qual outro lugar deveria isto aparecer?).
    Uma hora ele condena a teologia. Em outra hora, ele elabora todo um discurso teológico para demonstrar como Cristo cumpre a lei. Sem falar que ele mesmo questiona como devemos saber quem ensina a verdade, sendo que não vejo outra forma de saber disto a não ser pela teologia...
    Recomendo ao Kalahan que organize suas ideias antes de expô-las... Eu ainda não sei se ele está fazendo uma crítica, um elogio, um comentário, expondo opinião... Não sei...

    Sobre a teologia e a doutrina cristã... Há uma parte na Bíblia, onde Deus dá suas leis a Moisés através das tábuas da lei. Naquela época Moisés subiu ao monte e as recebeu do próprio Deus... Mas o povo hebreu era muito ansioso... Eles achavam que Moisés estava demorando demais, e resolveram fazer o culto a Deus ali mesmo, da sua própria maneira... E assim, fizeram um bezerro de ouro, que cultuavam como o Deus de Israel, que os tirou do Egito... A mera opinião sentimental, sem doutrina e sem ensino, só gera bezerros de ouro...

    Abraços.

    ResponderExcluir
  8. Bom Caro amigo Gustavo, se vc ler todos comentários descritos acima, vai ver que não estou dizendo que lado A está certo ou lado B, não fui eu quem criou as escrituras, elas foram criadas por inspiração do Espirito Santo aos homens de Deus, portanto foram feitas para serem cumpridas conforme foram escritas, e não modificada por interpretações individuais de cada um conforme suas coveniências. Como disse não elogio, nem critico deixei exposto como penso, não só da matéria em questão mas como todos os assuntos contidos nos comentarios acima , não só meus.
    Em resposta sua pergunta onde deveria aparecer as obras feitas, não condenei nenhuma denominação ou entidade religiosa, algumas se codenam por si só veja sua pergunta e olhe sua resposta abaixo.
    (se ele queria que aparecessem, em qual outro lugar deveria isto aparecer?).

    está do jeito que vc escreveu , veja a resposta .

    MATEUS Cap. 6 Ver. 3,4
    3 Mas, quando tu deres esmola, não saiba a tua mão esquerda o que faz a direita;

    4 para que a tua esmola fique em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará.
    Como pode ver não sou eu quem condena, está escrito e se voce voltar um pouco em MATEUS 6 Ver. 2

    2 Quando, pois, deres esmola, não faças tocar trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem glorificados pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam a sua recompensa.

    Não citei nome de A e B , cada um calça o sapato de acordo com seu numero. Rss

    Espero ter esclarecido de onde vem meu ponto de vista , minha opinião , a qual não faço imposições a ninguém aceita-las .

    Agradeço o espaço

    Kal.

    ResponderExcluir
  9. Pois é, Kalahan. Se as obras devem aparecer para Deus, então você não tem nenhuma justificativa para dizer:
    =============
    Todos os cursos que fiz até hoje, foi sempre com o objetivo de usa-los na pratica, o evagelho não é diferente. APRENDA MAS PRATIQUE!.
    =============
    Quem disse que não há prática? Você certamente não pode dizer isto, já que concorda que esta prática não deveria aparecer para você... Então, novamente eu sugiro que você organize suas ideias...

    Abraços.

    ResponderExcluir
  10. Cristo é o presente de Deus para os homens, religião é o que menos importa pra Deus. doutrinas são para organizar a fé, mas jamais serão mais importantes que o amor que Deus tem por nós, Deus conhece a intenção do coração e salva o que ama seu Filho. João 3:16 diz que todo que n´Ele cre não perece, mas NÃO diz NADA SOBRE SEGUIR DOUTRINA. Se alguém no leito de morte se arrepende e confessa o Senhor, está salvo, e não foi necessário doutrina para salvação. prova disso é o ladrão ao lado de Jesus na cruz que teve a promessa de estar com Ele no paraíso.. pureza e simplicidade!

    ResponderExcluir
  11. Oi...me chamo Fábio Jefferson...1 coisa eu sei, que jamais, talvéz nunca haverá a união entre Católicos e Protestantes-Evangélicos, pois as confissões de Fé não se batem:
    CONFISSÃO DE FÉ CATÓLICA-Veneração a Maria e Santos, Crença na Trindade,Salvação pelas boas obras, fora do Catolicismo não existe Salvação, já ouvi alguns falarem que S. Pedro é sucessor de Cristo e Bíblia com + 7 livros apócrifos...
    CONFISSÃO DE FÉ PROTESTANTE-EVANGÉLICA:
    Só Cristo é o nosso Líder, a Salvação se baseia pela GRAÇA, por intermédio da Fé sendo 1 dom de Deus, cremos na Trindade, a Igreja é todo aquele que aceita Cristo como Senhor e Salvador de sua vida, Glória só a Deus e a Bíblia com 66 livros...então, não acredito na união pois as "confissões de Fé" não se batem, mas 1 coisa que achei muito interessante do Papa e queria que todos os Católicos observa-sem: O CORAÇÃO E O CENTRO NA VIDA DE LUTERO ERA DEUS...concerteza, isso derruba qualquer fanatismo de alguns católicos contra "Lutero"...

    ResponderExcluir

Obrigado por visitar O Contorno da Sombra!
A sua opinião é bem-vinda. Comentários anônimos serão aprovados desde que não apelem para palavras chulas ou calúnias contra quem quer que seja.
Se você ainda não fez isso, sugerimos que você se cadastre no IntenseDebate (http://intensedebate.com/), que é a melhor plataforma para opinar em blogs, fóruns e sites.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails