segunda-feira, 2 de maio de 2011

Deputada italiana e presidente do Peru dizem que morte de Bin Laden foi obra de João Paulo II

Numa hora de comoção internacional como a que estamos vivendo hoje, horas após a anunciada morte de Osama Bin Laden, sempre aparece alguém com as declarações mais estapafúrdias e impensadas, como parece que é o caso da deputada italiana Michaela Biancofiore, que representa atualmente a Campania pelo PdL (Il Poppolo della Libertà - "O Povo da Liberdade"), partido presidido pelo atual primeiro-ministro italiano, o não menos polêmico magnata Silvio Berlusconi. Aproveitando o fato do Vaticano ter celebrado ontem a beatificação do papa João Paulo II, em cerimônia conduzida pelo papa Bento XVI, a deputada Biancofiore (que reside em Bolzano, província de Trentino-Alto Adige) disse que "a eliminação, por parte das forças dos EUA, do sheik do terror Osama Bin Laden, no dia seguinte ao da beatificação de João Paulo II pode ser lida como um novo e enorme milagre concedido ao mundo pelo papa mais amado, que tanto combateu a rede do terror", segundo noticia o site italiano Alto Adige. A nota da parlamentar acrescenta que "o mal é sempre acompanhado do bem. Depois do mal sempre aparecem o bem e a justiça universal, conforme demonstrado neste momento. O mundo do bem, as famílias das muitas vítimas dos atentados terroristas - especialmente o do 11 de setembro - e os povos democráticos não acreditavam mais na possibilidade de dar fim ao símbolo universal do ódio e do mal absoluto em que havia se transformado Bin Laden, mas a fé, a esperança, a raiva e o orgulho das forças do bem puderam ter ainda uma volta por cima, como a história do mundo nos confirma".

Já Alan Garcia, presidente do Peru, pra não ficar atrás na histeria coletiva, segundo noticia o jornal norteamericano The Washington Post, durante a inauguração de uma usina hidroelétrica nesta manhã de segunda-feira, disse que o primeiro milagre do papa (agora beato) João Paulo II "foi remover do mundo a encarnação do mal, a encarnação demoníaca do crime e do ódio, dando-nos a notícia que a pessoa que apagou do mapa as torres e os prédios já não existe mais". Alan Garcia ainda elogiou o ex-presidente George W. Bush por ter tomado a decisão de punir Bin Laden e não desistir até os "presentes frutos" de sua iniciativa, o que agradou muito o The Washington Post, que pertence a Rupert Murdoch, o ultraconservador mega-empresário que também é dono da Fox News.

Tanto a deputada italiana como o presidente peruano perderam uma excelente chance de ficar calados. Ao misturar religião num evento que tem repercussão com gigantesca carga explosiva, apenas jogaram combustível à fogueira. É muito provável que outras tantas pessoas estejam fazendo a mesma associação entre a beatificação de João Paulo II e a morte de Osama Bin Laden algumas horas depois, mas agora não é hora de cantar vitórias ou tripudiar sobre derrotas alheias, ou ainda expressar convicções íntimas que careçam de um mínimo de coerência com o assunto que domina as pautas da imprensa e as conversas nas ruas de qualquer cidade ou vilarejo do planeta hoje.

Pelo menos poderíamos sonhar um pouco e nos unirmos em busca de um objetivo comum: paz!

2 comentários:

  1. acredito que buscar justiça sem a paz, ou a paz sem a justiça é perder tempo. Matar Osama não resolve o problema, só agrava. A pacificação das relações do islã com o ocidente estão, desde as cruzadas, cada vez mais longe.
    http://pietismoluterano.blogspot.com/2011/05/osama-bin-laden-e-paz-justa.html

    ResponderExcluir
  2. Para refletirmos mais a respeito desse acontecimento que é a morte de Osama:

    http://ociokako.blogspot.com/2011/05/assassinato-do-osama-bin-laden.html

    http://www.luizcarlosramos.net/?p=3846

    ResponderExcluir

Obrigado por visitar O Contorno da Sombra!
A sua opinião é bem-vinda. Comentários anônimos serão aprovados desde que não apelem para palavras chulas ou calúnias contra quem quer que seja.
Se você ainda não fez isso, sugerimos que você se cadastre no IntenseDebate (http://intensedebate.com/), que é a melhor plataforma para opinar em blogs, fóruns e sites.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails