quinta-feira, 5 de maio de 2011

O quebra-pau cóspel entre Malafaia e os Valadão

A chapa esquentou neste começo de noite do dia 05/05/11, dia em que o Supremo Tribunal Federal declarou válido o casamento homossexual. Os personagens do quebra-pau é que eram improváveis, mas estranhamente resolveram duelar via twitter. Pra começo de conversa, Silas Malafaia (sempre ele), através do seu perfil no twitter, conclamou ontem algumas celebridades gospel para pedirem aos seus seguidores que "retuitassem" suas mensagens a fim de pressionar o STF a julgar contrariamente ao casamento homossexual. Essas celebridades eram os cantores Ana Paula e André Valadão, Fernanda Brum e Aline Barros:



Primeiramente, é estranho que o Malafaia tenha escolhido apenas esses 4 cantores para fazer seu pedido, usando um meio que não garante que ele seria lido, nem obriga ninguém a respondê-lo. Já cheirava a confusão. Por que só 4? O único que se manifestou vagamente (mais de 24 horas depois), e mesmo assim depois do resultado do julgamento, foi André Valadão:



Entretanto, assim que se tornou irreversível a aprovação do casamento entre homossexuais pelo plenário do STF, Malafaia passou a disparar contra os 4 cantores, como se esses fossem os 4 cavaleiros do Apocalipse:









A única celebridade gospel que se deu ao trabalho de responder a Malafaia foi Ana Paula Valadão, também através do seu perfil no twitter (em ordem cronológica decrescente):





Diante da reação de Ana Paula Valadão, Malafaia continuou atacando:







Como diria o Zagallo, "estranho, muito estranho". É este o exemplo de "evangélicos" que temos no Brasil? Tanta coisa boa pra fazer, e as personalidades gospel armando um barraco tão despropositado, talvez na ânsia de aparecer uns às custas dos outros. A favor de Ana Paula Valadão, registre-se que ela foi provocada. Mexe com quem tá quieto! Logo, logo, estarão todos abraçadinhos como se nada tivesse acontecido. Aguardemos, então, os desdobramentos desse quebra-pau cóspel, mas desde já fica fácil identificar a fogueira de vaidades e a mais completa ausência de domínio próprio entre os envolvidos.

5 comentários:

  1. O Povo de hoje já não tem mais o que fazer...

    ResponderExcluir
  2. Eu acho que essa guerra é inútil. O mundo não tem conserto mais. O evangelho tem que se pregado e ponto. As leis, e as coisas ruins que virão pela frente são inevitáveis, do contrário não haveria profecias do fim do mundo.

    ResponderExcluir
  3. Gente, esse Malafaia não tem mais o que fazer?
    Twitter não é a pessoa em si, é apenas um meio de comunicação que pode ou não ser usado... Ninguém é obrigado a ficar ligado ao Twitter como uma paciente terminal ligado ao respirador... affff, eu acho que Ana Paula foi educada. Ele merece um puxão de orelha mesmo. Barraco no Twitter comandado por pastor é pior do que a lei dos homens sobre homessexualismo.

    ResponderExcluir
  4. que cóspel oq. É GOSPEL
    vai aprender escrever .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro anônimo,

      Fiquei triste agora, por você, já que passaste um atestado de burrice assim publicamente.
      Como você não consegue interpretar um texto, esclareço que "cóspel" (inspirado em "cuspir") é o neologismo que - não só este blog como vários outros - usamos para mostrar o ridículo a que chegam alguns expoentes do chamado movimento "gospel" brasileiro, que de evangelho e cristão não têm absolutamente nada.

      Fiquei #xatiado por você, viu...

      Excluir

Obrigado por visitar O Contorno da Sombra!
A sua opinião é bem-vinda. Comentários anônimos serão aprovados desde que não apelem para palavras chulas ou calúnias contra quem quer que seja.
Se você ainda não fez isso, sugerimos que você se cadastre no IntenseDebate (http://intensedebate.com/), que é a melhor plataforma para opinar em blogs, fóruns e sites.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails